terça-feira, 3 de julho de 2012

Meu futuro restaurante

Em alguns momentos esqueço que não estou aqui como jornalista. Isto acabou de acontecer agora à tarde fiquei numa vontade de assessorar os professores e chefes do Senac para aparecerem na televisão. Eu deveria relaxar, porque agora sou só uma aprendiz de cozinheira. O que importa todas aquelas regras que aprendi na faculdade.

Hoje foi um dia estranho primeiro descobri que tenho alergia a cloro. Quase fiquei sufocada tentando higienizar alfaces, rs. Putz... Carol lembra da nossa ida a Caldas Novas quando minhas mãos empolaram? Agora eu sei o que causou aquela reação. Foi a água da piscina, claro que naquela tinha mais xixi que cloro... Meu café da manhã foi maravilhoso na companhia da Renata Costa. É tão bom quando estamos longe poder ver um amigo no vídeo.  

Agora tenho que pegar firme nos estudos muita coisa teórica para pesquisar. Receitas, cardápios, teorias e histórias de cozinhas. Amigos preciso de uma sugestão de negócio. Vocês que me conhecem tão bem que tipo de cozinha combina comigo? Erika, Carol, Maria, Agda, Marla, Daniella e Aline qual tipo de restaurante vocês abririam em sociedade comigo? Aguardo sugestões destas amigas e de outros leitores do blogger que queiram palpitar. 

11 comentários:

  1. Ana, com vc eu abriria qualquer negócio!! Pensei num café, com as empadas e cheesecake hehehe... mas vou amadurecer a ideia rsrsrs

    ResponderExcluir
  2. O chato de ter alergia a cloro é que você não vai mais poder ir pra Caldas! Aquelas piscinas são puro cloro! rs...
    Amiga, usa uma luva cirurgica e uma máscara e tudo certo!
    Saudade de vc!
    beijos e aproveite tudo por aí!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qual negócio vc abriria comigo Carol?

      Excluir
  3. Eu acho que Goiânia precisa de um restaurante realmente típico, que conte a história do Estado, dos frutos do cerrado e da evolução gastronômica por meio de pratos especiais. Não só fazer arroz com pequi e guariroba e vender picolés industrializados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, assim como a Érika só consigo pensar em uma doceria bem feminina que serve além de doces finos, champagne e chá! Coisa de Diva! Acho que é a "nossa" cara!

      Excluir
  4. Sou a favor de um restaurante totalmente feminino e charmoso, com doces..hehe...Acho que com macarrons, cheesecakes, brigadeiros...Tudo bem bonitinho e cor-de-rosa..hahaa. Só consigo pensar nisso...rs. Ajudei?...rs

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Amiiiiiiiga, demorei um pouquinho mas estou atualizando a leitura do teu blog.
    Então, primeiramente quero dizer que estou imensamente feliz por vc e cada post teu, que acompanho através do face, sinto vc ainda pertinho.
    Bem, eu montaria até "pit dog" com vc (rsrsrs) mas acho que um Bistrô seria a tua cara. Obvio que vc "customizaria" o estilo Bistrô, colocaria algo mais regional, mas acho que tem a tua carinha...algo simples mas com requinte. Ambíguo...a tua cara.
    Bjão...saudade!

    ResponderExcluir
  7. Em Goiânia falta uma padaria 24 hrs com um cardápio mais elaborado. Stravaganza e Pão Shop, por exemplo, tem um cardápio velho e limitado.

    ResponderExcluir